A UNILAB NA PERSPECTIVA DA COOPERAÇÃO SUL-SUL: UMA ANÁLISE CRÍTICA DECOLONIAL AFRICANA

Bas'Ilele Malomalo, Julie Lourau, Osmaria Rosa Souza

Resumo


Este trabalho tem por objetivo, pautando-se nos trabalhos anteriores de seus autores, discutir criticamente a cooperação internacional entre Brasil e África, tendo a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira (UNILAB) como objeto de estudo. O período considerado para a análise é de 2003 até 2018. O ano 2003 até 2010 corresponde aos dois mandatos do governo Lula, durante os quais germinou-se o projeto da Unilab mediante a composição de uma comissão de implementação, que elaborou suas Diretrizes, em 2008, e de promulgação da lei da sua fundação. O segundo período é da era Dilma Rousseff entre seu primeiro mandato (2010-2014) e o seu segundo mandato que inicia em 2014 e é interrompido pelo golpe parlamentar em 2016. Busca-se interpretar a história da cooperação entre Brasil e África, partindo das dinâmicas internas da UNILAB na sua relação com as dinâmicas regionais, nacionais e internacionais. Por isso, dá-se o foco nas sucessivas gestões superiores, as reitorias pro tempore que governaram a universidade. O último período que o texto leva em consideração é aquele que coincide com o golpe parlamentar contra a presidenta Dilma Rousseff e a nomeação de um reitor pro tempore oriundo desse processo político conturbador. Foca-se em alguns aspectos considerados essenciais para a construção de uma narrativa emancipatória que leva em conta o pensamento do Sul global, especialmente decolonial africano e afro-diaspórico.


Palavras-chave


Cooperação Sul-sul. UNILAB. Brasil-África. Epistemologia decolonial.

Texto completo:

PDF/A

Referências


ALENCASTRO, Matias de. Brasil arrisca a sua imagem na África com práticas neocoloniais. Folha São Paulo, 2014. Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/ mundo/2014/08/1507830-analise-brasil-arrisca-sua-imagem-na-africa-com-praticas-neocoloniais.shtml. Acesso em: 29 agos. 2014.

ARANGO, Rodolfo. Solidaridad, responsabilidad, injusticia estructural, democracia, derechos humanos, derechos sociales. Revista de Estudios Sociales, n. 46, 2013, p. 216.

ASSIS, A. C. L. et. al. As políticas de assistência estudantil: experiências comparadas em universidades públicas brasileiras. Revista GUAL, v. 6, n. 4, p. 125-46, ed. esp. 2013.

BRASIL. Manual de Gestão da Cooperação Técnica Sul-Sul. Brasília: Edição da ABC, Agência Brasileira de Cooperação, Ministério das relações externas, 2013.

CASTRO, Mary G. Estranhamentos e identidades Direitos humanos, cidadania e o sujeito migrante Representações em textos diversos. Revista Brasileira de Estudos Populacionais. São Paulo, v. 22, n. 1, p. 5-28, jan./Jun. 2005

CONSTANTINO, Alexandre Krügner. Solidariedade: entre o desencanto e o reencanto. Campinas, SP: Universidade Estadual de Campinas/ Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, 2009. (Tese de doutorado).

D´ADESKY, Jacques. Pluralismo étnico e multiculturalismo: racismo e anti-racismo no Brasil. Rio de Janeiro: Pallas, 2001.

DUSSEL. Henrique. Transmodernidade e transculturalidade (Interpretação desde a Filosofia da Libertação). In: FORTNET-BETENCOURT, Raul. Interculturalidade: Críticas, diálogos e perspectivas. São Leopoldo: Nova Harmonia, 2004, p. 159-208.

EDMONSON, Locksley. África e as regiões em via de desenvolvimento. In: MAZRUI, Ali A.; WONDJI, Christophe (ed.). História geral da África, VIII: África desde 1935. Brasília: Unesco, 2010, p. 1003-1051.

FAVREAU, Louis; FRECHETTE, Lucie; LACHAPELLE, René. Coopération Nord-Sud et développement : Le défi de la reciprocité. Québec: Presse Universitaire du Québec, 2008.

FONSECA, José Dagoberto. Políticas públicas e ações afirmativas. São Paulo: Editora Selo Negro. Coleção Consciência em Debate, 2009.

FORSTER, Jacques. Pertinece des études du développement à l´ère de la mondialisation. Genève: IUED, 2007, p. 11-19. Etudes du développement pour demain. Disponível em: . Acesso em: 25 ago. 2007.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um encontro com a pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

FREIRE, Paulo; GUIMARÃES, Sérgio. A África ensinando a gente: Angola, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2003.

FREIRE, Paulo; FREIRE, Nita; OLIVEIRA, Walter Ferreira de. Pedagogia da solidariedade. Indaiatuba/SP: Villa das Letras, 2009.

GAVALLI, Guilherme. MEC oferece apenas 800 bolsas e ameaça permanência de 4 mil indígenas e quilombolas na universidade. Desacato. 02/06/2018. Disponível em: < http:// desacato.info/mec-oferece-apenas-800-bolsas-e-ameaca-permanencia-de-4-mil-indigenas -e- quilombolas-na-universidade/>. Acesso em: 02 jun. 2018.

GENTILI, Pablo (Ed.). Golpe en Brasil: Genealogía de uma farsa. Ciudad Autónoma de Buenos Aires: CLACSO; Buenos Aires: Fundación Octubre; Buenos Aires: UMET, Universidad Metropolitana para la Educación y el Trabajo, 2016. Disponível em: http://biblioteca.clacso.edu.ar/clacso/se/20160624045419/GolpeEnBrasil.pdf. Acesso em: 20 jun. 2017.

HELENO, Gorjão Bezerra. A política externa do Governo Lula: A experiência da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileiro (Unilab). Fortaleza: UECE, 2014 – Dissertação de mestrado.

INSTITUTO LULA. “Perspectiva da Unilab é cooperação internacional solidária”, diz reitor. 08 nov. de 2012. Disponível em: http://www.institutolula.org/perspectiva-da-unilab-e-cooperacao-internacional-solidaria-diz-reitor/#.UysG9_ldWSo. Acesso em: 09 de out. 2013.

IPEA; BANCO MUNDIAL. Ponte sobre o Atlântico Brasil e África Subsaariana: parceria Sul-Sul para o crescimento. Brasília, 2011. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=12637 Acesso em: 26 mar. 2017.

JINKINGS, Ivana; DORIA, Kim; CLETO, Murilo (Orgs). Porque gritamos golpe? Para entender o empeachment e a crise política no Brasil. São Paulo: Boitempo, 2016.

KALY, Alain Pascal. O Ser preto africano no “paraíso terrestre”: Um sociólogo senegalês no Brasil. Lusotopia, 2001, p. 105-121. Disponível em: http://www.lusotopie.sciencespobordeaux. fr/resu10006.html. Acesso em: 25 set. 2011.

LATOUCHE, Serge. A África pode contribuir para resolver a crise do ocidente? Tradução: Acácio Sidinei Almeida Santos. Espaço Plural, v. 14, n. 28, p. 175-197, 2004.

LANDER, Edgardo (Comp.). La colonialidad del saber: eurocentrismo y ciências sociales: Perspectivas latino-americanas. Bueno Aeres: CLSCSO, 2005.

LEITE, Patrícia Soares. O Brasil e a cooperação Sul-Sul em três momentos de política externa: os governos Jânio Quadros/João Goulart, Ernesto Geisel e Luiz Inácio Lula da Silva. Brasília: Fundação Alexandre de Gusmão, 2011.

LOPES, Carlos. Cooperação e desenvolvimento humano: A agenda emergente para o novo milênio. São Paulo: UNESP, 2005.

LOPES, Carlos; THEISOHN, Thomas. Desenvolvimento para céticos: Como melhorar o desenvolvimento de capacidades. São Paulo: Unesp, 2006.

MALOMALO, Bas´Ilele. UNILAB e os desafios futuros – entrevista de Samuel Santos. SURES, n. 11 – 2018, p. 1-8. Disponível em: https://revistas.unila.edu.br/sures/ issue/view/55. Acesso em: 8 jun. 2018.

MALOMALO, Bas´Ilele. Repensar o multiculturalismo e o desenvolvimento no Brasil: políticas públicas de ações afirmativas para a população negra (1995-2009). v. 1 – Porto Alegre: Editora FI, 2017a.

MALOMALO, Bas´Ilele. Repensar o multiculturalismo e o desenvolvimento no Brasil: políticas públicas de ações afirmativas para a população negra (1995-2009). v. 2 – Porto Alegre: Editora FI, 2017b.

MALOMALO, Bas´Ilele. Crise internacional: Migrações africanas, cooperação e esperança. In: MALOMALO, Bas´Ilele; MARTINS, E.; FREIRE, J. África, migrações e suas diásporas: Reflexões sobre a crise internacional, cooperação e resistências desde o Sul. Porto Alegre: Editora Fi, 2017c, p. 21-52.

MALOMALO, Bas´Ilele. Branquitude como dominação do corpo negro: diálogo com a sociologia de Bourdieu. Revista da ABPN, v. 6, n. 13, mar.-jun. 2014a, p. 175-200.

MALOMALO, Bas´Ilele. Filosofia do Ubuntu: Valores civilizatórios das ações afirmativas para o desenvolvimento. Curitiba: CRV, 2014b.

MALOMALO, Bas´Ilele. A integração Brasil-África: uso e sentido da cooperação solidária nos discursos de Luiz Inácio Lula da Silva. In: FREITAS, Raquel Coelho de; MACHADO SEGUNDO, Hugo de Brito (Orgs.). Democracia, equidade e cidadania. Curitiba: CRV, 2014c, p. 70-91.

MALOMALO, Bas´Ilele. FONSECA, José Dagoberto; BADI, Mbuyi Kabunda (Org.). Diáspora africana e migração na era da globalização: experiências de refúgio, estudo, trabalho. Curitiba: CRV, 2015.

MALOMALO, Bas´Ilele. Mobilização política dos imigrantes africanos no Atlântico Sul pela conquista de direitos em São Paulo: o caso da morte da Zulmira em 2012. Revista Crítica Histórica, Ano VII, no 13, junho/2016a, p. 1-26.

MALOMALO, Bas´Ilele. Macumba, macumbização e desmacumbização. In: SILVEIRA, Ronie Alexsandro Teles da; LOPES, Marcos Carvalho (Orgs.) A religiosidade brasileira e a filosofia. Porto Alegre, RS: Editora Fi, 2016b, p. 132-160.

MEDEIROS, C.A. Brasil, Estados Unidos e a questão racial: a fertilidade de um campo cheio de armadilhas, in PAIVA, Angela R. (org.). Ação afirmativa em questão: Brasil, Estados Unidos, África do Sul e França. Rio de Janeiro: Pallas, 2013, p. 241-265

MOURÃO, Daniela Ellery. Entre Palmares E Liberdade: Reconfigurações identitárias de estudantes africanos Na Unilab. Trabalho apresentado na 30ª Reunião Brasileira de Antropologia, realizada entre os dias 3 e 6 de agosto de 2016, João Pessoa/PB.

NASCIMENTO, Clara Martins do. Assistência estudantil consentida. Disponível em: http://www.andes.org.br/andes/print-revista-conteudo.andes?idRev=41&idArt=211. Acesso em: 20 jun. de 2013.

NTUMBA, Tshamalenga M. Le réel comme procès multiforme : pour une philosophie du Nous processuel, englobant et plural. Paris : Edilivre-Aparis, 2014.

PEREIRA, Katarina da Costa; VEIGA, Pedro da Motta. O Brasil frente à emergência da África: comércio e política comercial. Julho de 2011. Disponível em:http://www.cindesbrasil.org/site/index.php?option=com_jdownloads&Itemid=14&view=finish&cid=545&catid=7-. Acessado em: 16 jun. 2014.

PEREIRA, Analúcia Danilevicz; MEDEIROS, Klei. O prelúdio da cooperação sul-sul: da Conferência de Bandung à Conferência de Buenos Aires (1955-1978). I Seminário Internacional de Ciência Política Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Set. 2015, P. 1- 21. Disponível em: https://www.ufrgs.br/sicp/wp-content/uploads/2015/09/PEREIRA-MEDEIROS-2015-O-Prelúdio-Da-Cooperação-Sul-Sul.pdf. Acessado em 18 ago. 2018.

PRONER, Carol et al. A resistência ao golpe de 2016. Bauru/SP: Canal 6, 2016a.

PRONER, Carol et al. A resistência internacional ao golpe de 2016. Bauru/SP: Canal 6, 2016b.

PUENTE, Carlos Alfonso Iglesias. A cooperação técnica horizontal brasileira como instrumento de política externa: a evolução da cooperação técnica com países em desenvolvimento – CTPD- no período 1995- 2005 /Carlos Alfonso Iglesias Puente. – Brasília: FUNAG, 2010.

SANTOS, B; MENESES, M. (Orgs.). Epistemologias do Sul. 2 ed. - São Paulo: Cortez, 2010.

SANTOS, B; MENESES, M. Direitos humanos, democracia e desenvolvimento. São Paulo: Cortez, 2013.

SARAIVA, José Flávio Sombra. África parceira do Brasil atlântico: relações internacionais do Brasil e da África no inícIo do século XXI. Belo Horizone: Fino Traço, 2012.

SARAIVA, José Flávio Sombra. África no século XXI: um ensaio acadêmico. Brasília: FUNAG, 2015.

SCHLESINGER, Sérgio. Cooperação e investimento do Brasil na África: o caso do ProSavana em Moçambique /Sergio Schlesinger, - 1ª ed. FASE, Maputo, 2013.

SEN, Amartya. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

SILVA, Luís Inácio Lula da. Café com o presidente: Uma universidade para brasileiros e africanos construída no Brasil. Entrevista concedida na RNB em 27 de julho de 2010a. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=QBGkEml-I_s. Acesso em: 07 de março de 2014.

SILVA, Luís Inácio Lula da. Discurso – O Brasil tem política de solidariedade para a África. Fórum Social Mundial, Porto Alegre, 26 de janeiro de 2010b. Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=MWFmE7JgYso. Acesso em: 09 de out. 2013.

SOUZA, Lorena Francisco de. Migração para qualificação da força de trabalho e a questão racial: Estudantes africanos/as lusófonos/as negros/as em universidades goianas. Tese de doutorado. Departamento de Geografia. São Paulo, FFLCH-USP, 2014.

SOUZA, Osmaria Rosa; MALOMALO, Bas’Ilele. Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira e os desafios da integração perante o racismo contra os/as estudantes africanos/as no Ceará. Interfaces Brasil/Canadá. v. 16, p. 256 - 293, 2016.

SOUZA, Osmaria; LOURAU, Julie. Cooperação Sul-Sul e a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira: Solidariedade ou dominação? In MALOMALO, B.; SIMÃO, E.M.; FREIRE, J.S.M. (Orgs.), África, migrações e suas diásporas. Porto Alegre: Editora Fi, 2017, p. 53-74.

RAMOSE, Mogobe. Sobre a legitimidade e estudo da filosofia africana. In: Ensaios Filosóficos, v. IV - outubro/2011, p. 9-25. Disponível em: http://www.ensaiosfilosoficos .com.br/Artigos/Artigo4/RAMOSE_MB.pdf. Acesso em: 17 fev. 2016.

RAMOSE, Mogobe. A ética do ubuntu. Tradução para uso didático de: RAMOSE, Mogobe B. The ethics of ubuntu. In: COETZEE, Peter H.; ROUX, Abraham P.J. (eds). The African Philosophy Reader. New York: Routledge, 2002, p. 324-330, por Éder Carvalho Wen.

UNCTAD - Conférence des Nations Unies sur le Commerce et le Développement. Le Développement Économique en Afrique - Rapport 2010: La Coopération Sud-Sud: L’Afrique et les nouvelles formes de partenariat pour le développement. New York/Genève: Nations Unies, 2010.

UNIÃO AFRICANA (UA). Agenda de União africana para 2063, África que queremos. Adias Abebab, abril de 2015. http://www.au.int/en/Agenda2063/popular_version. Acessado em 10 abril de 2015.

UNILAB. Diretrizes Gerais da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, julho de 2010. Disponível em: http://pdi.unilab.edu.br/wpcontent/uploads/2013/08/Diretrizes_Gerais_UNILAB.pdf. Acessado em 10 de maio de 2015.

VAZ, Farã; MALOMALO, Bas’Ilele. Brasil-Moçambique: O lado oculto da Cooperação Sul-Sul Triangular. III Semana Universitária, Unilab, Campus da Liberdade, Redenção, 19 a 22 de outubro de 2016 [Anais]. Disponível em: http://semanauniversitaria.unilab. edu.br/anais-2016/. Acesso em: 29 ago. 2014.

VISENTINI, Paulo Fagundes. A África moderna: um continente em mudança. Porto Alegre: Leitura XXI, 2010.

WLADIMIR, Valler Filho. O Brasil e a crise haitiana: a cooperação técnica como instrumento de solidariedade e de ação diplomática. Brasília: FUNAG, 2007.




DOI: http://dx.doi.org/10.25247/2447-861X.2018.n245.p496-531

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.